Edit

Fundado em 1988, Entidade Sindical de primeiro grau, integrante do Sistema Confederativo da representação sindical - SICOMERCIO, a que se refere o art. 8, inciso IV, da Constituição Federal, com sede av. 15 nº 895, 12º andar

OBJETIIVO PRINCIPAL

Defender as empresas nas relações de trabalho através das negociações coletivas com os sindicatos profissionais

CNC e Fenacon sugerem melhorias no Simples Nacional ao Ministério do Empreendedorismo

CNC e Fenacon sugerem melhorias no Simples Nacional ao Ministério do Empreendedorismo

A Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) e a Federação Nacional das Empresas de Serviços Contábeis e das Empresas de Assessoramento, Perícias, Informações e Pesquisas (Fenacon) se reuniram com o ministro do Empreendedorismo, Micro e Pequena Empresa (MEMP), Márcio França, para entregar documento com sugestões de melhoria no Simples Nacional.

Entre os tópicos sugeridos, destaca-se o apoio à prorrogação do prazo de adesão ao Simples Nacional para abril ou maio deste ano, tendo em vista as intermitências do eCac e do próprio portal do Simples durante o período de adesão, o que dificultou o trabalho dos profissionais contábeis. Além disso, o documento também trata correções dos limites de faturamento, extinção da obrigatoriedade dos sublimites e impactos da reforma tributária. Leia as sugestões na íntegra.

Documento entregue ao ministro aponta que o Refis para Simples Nacional permitira a sobrevivência de um terço das empresas brasileiras

Realizado em 22 de fevereiro, o encontro reuniu ainda representantes dos sindicatos das empresas de contabilidade (Sescon) de São Paulo e Baixada Santista, do Conselho Regional de Contabilidade de São Paulo (CRCSP), além do deputado federal Paulo Alexandre Barbosa (PSDB-SP).

O ministro Márcio França se mostrou aberto às sugestões e destacou que “é preciso ter organização e legislação. Isso nós vamos fazer ainda neste primeiro semestre para tornar o Brasil mais produtivo”. O deputado Paulo Alexandre Barbosa ressaltou a importância da atuação conjunta das entidades representativas do setor econômico, “levando indicações importantes para facilitar a vida de quem empreende e fazendo o País avançar”. Ele também agradeceu a disponibilidade e os encaminhamentos propostos pelo ministro.

Fonte: CNC

Contato

Associar ao sincomercio